Horários de Visitas
Ouvidoria
Contate-nos

Imprensa

Primeiro dia de visitas na Ala Covid-19 do Hospital Regional São Paulo beneficia 14 famílias

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 
Esta terça-feira (1º) foi um dia de bastante ansiedade para as famílias de pacientes que estão internados na Ala Covid-19 do Hospital Regional São Paulo (HRSP), de Xanxerê. Alguns familiares chegaram cedo, outros estavam emocionados pela chance de poder ver seu ente querido que está em isolamento. Pela primeira vez desde o início da pandemia 14 famílias foram liberadas para entrar no setor de isolamento da Covid-19. Mas para isso, seguiram uma série de regras e orientações que tiveram o intuito de proteger os visitantes.

“Tomamos essa decisão de liberar as visitas principalmente pensando na humanização do atendimento, sabemos como é importante tanto para a família quanto para o paciente que está internado. Também consideramos que será seguro, pois os familiares serão bem orientados e acompanhados pela equipe durante a vista, além de que usarão a paramentação adequada, com Equipamentos de Proteção Individual semelhantes aos que os profissionais de saúde usam. Portanto haverá um baixo risco de contaminação nesse contexto, tornando a visita segura e benéfica para ambas as partes”, comenta a médica infectologista do HRSP, Carine Kolling.

As orientações já iniciaram na porta da recepção do hospital. Colaboradores orientaram os familiares sobre as regras e normas da visita. Cada visitante assinou um termo dizendo estar ciente das condições e se responsabilizando por sua conduta dentro da instituição. Após um Check List em que são verificados os possíveis sintomas da doença, cada um recebeu uma máscara PFF2 para substituir as de pano ou descartáveis.

Os visitantes foram encaminhados ao setor em pequenos grupos, para que pudessem ser acompanhados por profissionais do hospital. Já na entrada da Ala Covid-19 mais orientações sobre higiene de mãos, como se comportar dentro do setor e a paramentação com os Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s), que são fornecidos pelo HRSP. Os visitantes vestem uma roupa completa, com calça, blusa e proteção para os pés, além disso, por cima, utilizam um macacão descartável com touca e, por fim um protetor facial de acrílico e luvas.

Somente após receberem toda a paramentação, os visitantes são encaminhados ao local onde ocorre o isolamento. Uma vez dentro do setor são acompanhados pela equipe psicossocial até o leito do familiar. Cada visitante permanece por 10 minutos junto ao paciente e, em seguida, deixa o setor retirando todos os EPI’s utilizados e recebendo recomendações sobre higiene ao sair do ambiente hospitalar.

“Não tomamos essa decisão antes por haver insegurança e tivemos uma curva de aprendizado sobre essa doença. Nesse momento as equipes se sentem mais seguras para fazer essa tentativa de visitas visando o benefício principalmente do paciente que fica longos períodos sem poder ver os seus familiares”, finaliza a médica.


paramentar.jpg
Opinião das famílias

A visita não é obrigatória, a família pode optar por fazê-la ou por continuar apenas com as informações recebidas pelo telefone. No primeiro dia, metade dos pacientes hospitalizados no setor foram beneficiados pela ação.

Para Ivete Stefanon, de Xaxim, de Xaxim, que está com o esposo hospitalizado na UTI Covid-19 em razão da doença, a visita foi um momento de alívio. “Foi ótima a visita, ele se emocionou e foi muito bom, pois agora eu estou mais tranquila, pude ver ele e saber como ele está. Eu estou bem feliz com a visita, faz bem para a gente e para o paciente também”, comenta a esposa.
Outra pessoa que pode visitar um paciente Covid-19 foi a de Adair Paglia, de Ponte Serrada. Ele visitou o pai, que está hospitalizado na UTI Covid-19 desde a semana passada. “É uma alivio grande, parece que a gente perde o contato com o nosso familiar aqui dentro e agora, conseguindo ver, é bom tanto para a gente quanto para ele. Eu achei essa ideia maravilhosa”, comentou o filho.
visita-1.jpg
Orientações aos visitantes

As visitas ocorrem nas terças e sextas-feiras, a partir das 9h30, porém os familiares devem chegar ao hospital com 15 minutos de antecedência. Os visitantes preferencialmente devem ter idade entre 18 anos e 59 anos, que não sejam portadores de fatores de risco para covid-19 ou que não estejam em isolamento domiciliar em razão da doença. Será realizado um check list na entrada com aferição de temperatura e avaliação de possíveis sintomas relacionados à Covid-19.  Pessoas com suspeita da doença não poderão realizar a visita.

É proibida a entrada com aparelhos celulares. É necessário estar vestindo calça comprida e calçado fechado, cobrindo dorso do pé; pessoas com cabelo comprido devem mantê-lo preso; não será permitida a entrada com adornos (brinco, anel, pulseira, relógio, correntes e acessórios do gênero).

O hospital não se responsabiliza por guardar os pertences dos visitantes no período em que estiverem na instituição, por isso orientamos que os familiares deixem em casa os itens proibidos.
visita-2.jpg
visita-3.jpg
logo_footer.png
Rua Celestino do Nascimento, N. 373
Xanxerê - SC | CEP: 89820-000
+55 049 3441-7777
falecom@hrsp.com.br

Diretor Técnico Responsável:
Dr. Mário A. Marques
CRM/SC 7544 | RQE 2866
© Copyright 2021 Hospital Regional São Paulo. Todos os direitos reservados.